CSB-MT cobra implantação integral da jornada de 30 horas para assistentes sociais

Foi realizada nesta quinta-feira (1) uma reunião entre o grupo de mobilização pela implantação da jornada de 30 horas para as assistentes sociais e o vereador de Cuiabá Luís Claudio. O parlamentar posicionou-se solidário a causa e se comprometeu em interceder junto à Prefeitura para implementar esta mudança pela qual a categoria luta há 14 anos.

As assistentes sociais solicitaram o apoio do vereador para garantir o cumprimento da lei federal 12.317 de 26 de agosto de 2010, que estabelece jornada semanal de 30 horas, sem redução salarial. O encontro foi organizado pelo vice-presidente da CSB-MT, Antônio Wagner. Ele contou que, dos 141 municípios do Mato Grosso, 120 respeitam a lei promulgada em 2010, porém a capital segue sendo uma exceção.

“Desde que a lei foi promulgada, após muita luta destas profissionais e do movimento sindical como um todo, assistentes sociais em todo o país têm jornada de 30 horas, porém isso ainda não é realidade para todas as secretarias da Prefeitura. Pedimos que o vereador ajude a sensibilizar o Executivo para garantir esse direito. Chegou a hora de a capital ser mais humana”, afirmou Antônio Wagner.

Além disso, a assistente social Luzia Moraes disse que as assistentes sociais têm sofrido pressão nos últimos meses para abandonarem o direito conquistado.

“Algumas chefias têm nos ameaçado com corte salarial caso continuemos fazendo a jornada de 30 horas. Cabe destacar que nossa carga de trabalho é essa há mais de dez anos. Atendemos diretamente pessoas e famílias em situação de vulnerabilidades, passamos por situações de risco pessoal no trabalho de combater às violações de direitos sociais daqueles que atendemos”, ressaltou Luzia.

Ela explicou que o assistente social atua diretamente com pessoas vítimas de violência, pobreza extrema, negligencias, dentre outras violações de direitos, o que também pesa na saúde física e emocional dos profissionais da categoria.

“O desgaste da nossa atividade é inevitável, com grande desgaste físico, mental e emocional. As tensões diárias precisam de um limite que garanta a nossa integridade. Não enfrentamos problemas um dia, é todo dia, toda hora. Estamos lutando por algo que o Congresso Nacional reconheceu há 14 anos. É um absurdo”, afirmou.

O vereador Luiz Claudio se comprometeu a agendar uma reunião com o Secretário de Saúde para garantir que quem já cumpre a jornada de 30 horas siga atuando desta forma.

“Em relação à ampliação da jornada de 30 horas para toda a categoria, será necessário um projeto de lei do Executivo para efetivar legalmente essa mudança. A Secretaria de Gestão também será envolvida no processo, revisando legislações e impactos. Acredito que até o mês de abril estamos com este trabalho pronto e aprovado”, disse o parlamentar.

As assistentes sociais são representadas pelo Sispumc, Sindicato dos Servidores Municipais de Cuiabá, entidade filiada à CSB.

Veja também: Vice-presidente da CSB-MT, Antônio Wagner toma posse como conselheiro do MT Prev

Compartilhe:

Leia mais
CSB no Forum Interconselhos 2024
Governo retoma Fórum Interconselhos com G20 Social e Plano Clima em foco; CSB participa
reuniões centrais sindicais 16 e 18 julho
Centrais realizam reuniões por região nos dias 16 e 18 de julho sobre agenda legislativa; participe
reunião CNT 10-7-24
CNT discute ação coordenada diante de transformações no mercado de trabalho
Ernesto e Álvaro CSN reunião Consea
CSB indicará nome para substituir Lino de Macedo no Conselho de Segurança Alimentar
protesto servidores Ipsemg 9-7-24
Em meio a protestos dos servidores, projeto que altera regras do Ipsemg tem votação adiada
ministro do trabalho luiz marinho saqui aniversário fgts
Ministro do Trabalho quer fim do bloqueio do FGTS para quem optou por saque-aniversário
regra-nas-relacoes-de-trabalho-clemente-ganz-lucio
Clemente Ganz: Negociação coletiva e a estratégia de desenvolvimento produtivo
Projeto de lei motoristas em apps
Centrais sindicais criticam alterações em projeto de motoristas em apps
Protesto servidores Ipsemg
Sindicato dos Servidores do Ipsemg convoca para protesto contra projeto sobre o Instituto
Ministro Carlos Lupi e José Avelino Pereira Sinab CSB
Presidente do Sinab assume posto no Conselho Nacional de Previdência Social