Central dos Sindicatos Brasileiros

NOTA DE REPÚDIO: Estado de respeito é estado que respeita a vida

NOTA DE REPÚDIO: Estado de respeito é estado que respeita a vida

A CSB manifesta seu repúdio à “operação pancadão” na comunidade de Paraisópolis, na zona sul paulistana, que ocorreu na madrugada de sábado para domingo.

Na ação, comandada pela Polícia Militar do Estado de SP, morreram 9 jovens e outros 12 ficaram feridos. Essa operação desastrosa demonstra a política violenta que é liderada pelo Governador João Doria no comando da PM do Estado de SP.

Doria, desde os tempos de prefeito, promove ações violentas e higienistas sempre com o viés elitista e anti-pobre. Oferecer ração para os mais pobres, as violentas ações na Cracolândia, uso de jatos d’água contra moradores de rua foram marcas de sua reprovada gestão à frente da capital paulista.

O slogan da atual administração do Governo do Estado de São Paulo é “Estado de respeito”, mas não é o que se demonstra na prática. Estado de respeito é estado que preserva a vida, respeita a diversidade e combate às desigualdades.

O presidenciável João Doria em sua sanha para ocupar o posto da extrema-direita no próximo pleito presidencial demonstra que fará do Governo do Estado uma trincheira de extermínio contra a juventude negra e periférica.

Para o João, “likes” e selfies importam; vidas negras e periféricas, não!

A Central dos Sindicatos Brasileiros se solidariza com as vítimas e suas famílias, desejando que a paz prospere na comunidade. Que os moradores possam ver os ventos da repressão policial sendo substituídos pelos ventos das oportunidades de emprego e da educação de qualidade.

Be Sociable, Share!