Taxistas elegem nova diretoria do Sindicato dos Taxistas do Ceará

Vicente de Paula Oliveira foi reeleito presidente da entidade

A diretoria do Sindicato dos Taxistas do Ceará (Sinditaxi) foi reeleita com 90% dos votos dos trabalhadores associados à entidade. Com posse marcada para abril de 2015, a entidade tem como principal desafio o combate aos táxis clandestinos.

Vicente de Paula Oliveira, presidente reeleito para o quarto mandato, afirma que o resultado das urnas mostrou a força da chapa vencedora. “Nossa campanha foi feita com muito empenho e propostas concretas, que debatemos com os trabalhadores. Os taxitas são os maiores beneficiados com essa vitória”, explicou o dirigente.

Nos últimos quatro anos, a diretoria lutou para que fosse aprovada a Medida Provisória (MP) 615/2013, que garante a hereditariedade da licença de táxi. “Essa é uma das nossas maiores conquistas. Nós temos certeza de que a nossa família tem o meio de subsistência garantido. O apoio da CSB foi fundamental para que tivéssemos sucesso na nessa luta.”, afirmou o presidente do Sinditaxi.

Segundo Francisco Moura, diretor do sindicato e representante da Central no Ceará,  a estimativa é a de que Fortaleza tenha 4.392 mil táxis e cerce 8 mil taxistas. “Esse é o número de táxis regulares. Se colocarmos na conta os ‘piratas’, esse número mais que triplica. Isso prejudica os taxistas e também coloca em risco a segurança dos passageiros. Queremos que a prefeitura invista na fiscalização e aumente a penalização de quem pratica o transporte irregular”, afirmou.

O Sinditaxi também reivindica a regulamentação data base de reajuste das tarifas do taxi. A data escolhida pela entidade é o de 15 de janeiro.

Compartilhe:

Leia mais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"