SINDITAXI –CE se reúne com a Polícia Militar para debater segurança pública

Entidade pediu ações mais eficientes para combater os assaltos que a categoria sofre no exercício da profissão

O Sindicato dos Taxistas de Fortaleza (SINDITAXI –CE), entidade filiada à CSB, se reuniu com o comandante geral da Polícia Militar do Ceará, Geovani Pinheiro da Silva, para reivindicar mais segurança pública de qualidade.

Segundo o presidente do SINDITAXI –CE, Vicente de Paula, em um período de 15 dias, cerca de 12 profissionais da categoria foram assaltados. “Estes taxistas perderam o dinheiro das corridas e os veículos. A categoria está muito tensa, muito preocupada com a situação porque o número de assaltos é muito grande. Gostaríamos,por exemplo, que a polícia criasse o hábito de abordar o taxista com frequência para saber se está tudo bem. Com certeza essa abordagem ajudaria a inibir a ação dos marginais. Além disso, o Estado poderia implantar um serviço de monitoramento dos táxis via internet com câmera nos veículos”, disse.

O dirigente lembra que sempre que o Sindicato entra em contato com o comando da Polícia  Militar, a entidade é bem recebida, porém poucas ações são vistas. “Nós já nos encontramos várias vezes para reivindicar mais segurança pública de qualidade, mas na prática não vemos nenhuma ação. Nós iremos cobrar as autoridades responsáveis para que  seja implementado um projeto de segurança  eficiente”, afirmou Vicente.

Para Francisco Moura, diretor do SINDITAXI, é preciso que o Estado garanta uma política de segurança mais presente e eficaz. “Nós, taxistas, exercemos uma profissão de altíssimo risco, e o governo não tem nenhum plano de segurança pública direcionado para a categoria. Isso precisa mudar”, declara.

O representante da PM ouviu as reivindicações e propôs uma parceria com a categoria, visando aumentar a segurança nas ruas e na identificação dos infratores. Também intensificará as abordagens dos taxistas.

Moura alerta os taxistas para que eles sejam  bastante criteriosos ao pegarem passageiros nas corridas de rua. “Uma medida de evitar os assaltos é priorizar os clientes que chamam por celulares, aplicativos e cooperativas”, afirma.

Compartilhe:

Leia mais
CSB no Forum Interconselhos 2024
Governo retoma Fórum Interconselhos com G20 Social e Plano Clima em foco; CSB participa
reuniões centrais sindicais 16 e 18 julho
Centrais realizam reuniões por região nos dias 16 e 18 de julho sobre agenda legislativa; participe
reunião CNT 10-7-24
CNT discute ação coordenada diante de transformações no mercado de trabalho
Ernesto e Álvaro CSN reunião Consea
CSB indicará nome para substituir Lino de Macedo no Conselho de Segurança Alimentar
protesto servidores Ipsemg 9-7-24
Em meio a protestos dos servidores, projeto que altera regras do Ipsemg tem votação adiada
ministro do trabalho luiz marinho saqui aniversário fgts
Ministro do Trabalho quer fim do bloqueio do FGTS para quem optou por saque-aniversário
regra-nas-relacoes-de-trabalho-clemente-ganz-lucio
Clemente Ganz: Negociação coletiva e a estratégia de desenvolvimento produtivo
Projeto de lei motoristas em apps
Centrais sindicais criticam alterações em projeto de motoristas em apps
Protesto servidores Ipsemg
Sindicato dos Servidores do Ipsemg convoca para protesto contra projeto sobre o Instituto
Ministro Carlos Lupi e José Avelino Pereira Sinab CSB
Presidente do Sinab assume posto no Conselho Nacional de Previdência Social