dilma-record-e1418230482132

Reunião de Dilma Rousseff com as centrais sindicais é destaque no Jornal da Record

Antonio Neto participou do encontro e pediu à presidenta edição de MP contra o fim da profissão de técnico em contabilidade

Durante o encontro com Dilma Rousseff, os dirigentes debateram a preocupação do movimento sindical com a situação dos trabalhadores das empresas envolvidas nas denúncias de corrupção na Petrobras. Alguns trabalhadores das empreiteiras investigadas estão há dois meses sem receber salários. A CSB defende a investigação e a punição de todo os executivos e empresários ligados ao esquema, mas, segundo Antonio Neto, os trabalhadores não podem ser penalizados pelos atos praticados pelos investigados.

“Defendemos a punição exemplar a todos os culpados, mas não permitiremos que os trabalhadores dessas companhias sofram atrasos nos seus salários, a perda do emprego e toda e qualquer consequência advinda do processo de investigação. Precisamos protegê-los”, afirmou Neto.

O presidente da CSB também expôs à presidenta a situação dos contabilistas, que estão sofrendo com as consequências do Artigo 12 do Decreto-Lei 9295/46, que determina somente aos bacharéis em Ciências Contábeis o exercício da profissão e o registro no Conselho Federal de Contabilidade (CFC).

“Muitos cursos estão fechando e muitos jovens não estão tendo a oportunidade de se formar por conta desta lei. Nós pedimos à senhora que edite uma Medida Provisória para impedir esta aberração”, disse.

Assista à matéria completa no vídeo abaixo:

Compartilhe:

Leia mais
discurso lula OIT
Em discurso na OIT, Lula destaca precarização e informalidade como desafios para justiça social
Antonio Neto CSB na OIT 12-06-24
Antonio Neto na OIT: Tecnologias disruptivas podem ser oportunidade para os trabalhadores
Centrais sindicais apresentam denúncia contra governo do Paraná à OIT
Centrais denunciam governo do Paraná na OIT por repressão de greve de professores
FGTS correção inflação decisão stf
Acordo entre centrais e AGU prevalece no STF: FGTS deverá ter correção mínima pela inflação
miguel torres discurso centrais sindicais oit
Centrais pedem fim do golpismo no Brasil em discurso dos trabalhadores na OIT
Luiz Marinho discursa na OIT 2024
Na OIT, Luiz Marinho defende sindicatos e taxação de grandes fortunas
vigilantes niterói ato 13 de junho
Vigilantes de Niterói convocam ato por mais segurança para mulheres da categoria
vinicolas-no-rs-tinham-200-pessoas-em-condicoes-analogas-a-escravidao
Auditores fiscais do Trabalho repudiam fala de dirigente da CNA sobre trabalho escravo
assembleia rodoviários pelotas 10-6-2024
Rodoviários de Pelotas começam a negociar acordos em cenário após enchentes
Comitiva da CSB com ministro Luiz Marinho na Conferência da OIT 2024
Em reunião do Brasil na OIT, empresário diz que Bolsa Família atrapalha mão de obra