Em reunião com o Bloco das Minorias na Câmara, CSB critica reforma da Previdência e MP da contribuição sindical

Durante sua participação, entidade falou sobre os equívocos da PEC 06/2019 e da Medida Provisória 873 do governo Bolsonaro

Em intensa atividade em Brasília, a Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) participou na manhã desta quarta-feira (13) da reunião do Bloco das Minorias, realizada na Sala 11 do Anexo 2, da Câmara dos Deputados e liderado pela deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ).

O encontro, que contou com a presença de centrais sindicais e movimentos sociais, teve como tema a reforma da Previdência e a Medida Provisória (MP) 873/2019.

Em seu discurso, o vice-presidente da Central Sergio Arnoud, que representou a entidade no encontro, falou sobre o posicionamento da CSB em relação às propostas do governo e a dívida pública.

“O problema do País está na dívida, que consumiu do orçamento de 2018 40,6% de todo orçamento, enquanto a Previdência consumiu um pouco mais de 20%. Portanto, o problema não é a Previdência. Precisamos ser mais diretos, muitas pessoas não associam Previdência com aposentadoria, nós temos que falar que querem tirar a aposentadoria e esse é nosso desafio”, disse Arnoud, fazendo um parelalo da luta contra a reforma com a Medida Provisória que muda a forma da cobrança da contribuição sindical.

“Neste sentido, o governo, através da MP 873, tentou silenciar todo movimento sindical e os movimentos sociais, e essa MP contraria o decreto presidencial assinado em novembro de 2018”, completou o vice-presidente, que ainda defendeu a unidade dos partidos contra a reforma.

Compartilhe:

Leia mais
Chinelo - Antonio Neto e Cosme Nogueira fundação Fesmig
CSB, Sinab e CSPM celebram criação da Fesmig - Federação dos Servidores de Minas Gerais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)