CODEFAT aprova verbas para qualificação profissional e seguro-defeso

CSB foi representada pelo vice-presidente e membro da Banca dos Trabalhadores do conselho, José Avelino Pereira (Chinelo)

O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (CODEFAT), do qual a CSB faz parte, aprovou na reunião desta quarta-feira (26) a destinação de verbas para a qualificação profissional de desempregados e para o seguro-defeso a pescadores no Ceará.

O ponto mais importante da reunião foi a aprovação de verba para a qualificação profissional de desempregados. Nos anos anteriores, as entidades responsáveis pelos cursos não tinham fins lucrativos, eram centrais, sindicatos e institutos. “Nesse ano, fomos surpreendidos com a proposta de que as entidades a partir de agora seriam as de fins lucrativos, como universidades. É isso que nós somos contra”, afirmou Chinelo. Contudo, para que nenhum trabalhador fosse prejudicado, as centrais votaram a favor da liberação do montante.

Os presentes também deliberaram a favor de duas parcelas do seguro-defeso para pescadores do Ceará. Segundo o vice-presidente da Central, os profissionais não estão conseguindo trabalhar por conta da seca.

A reunião também foi marcada pela prestação de contas da Caixa Econômica Federal, do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) e do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

Conselho

O CODEFAT foi criado com o objetivo de administrar os recursos financeiros de todos os trabalhadores brasileiros na forma de colegiados tripartite, compostos por entidades representantes do governo, da classe trabalhadora e dos empregadores.

Compartilhe:

Leia mais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"