Bolsonaro é a mais perigosa pandemia da nossa história

Ontem (24) o Brasil foi surpreendido com um pronunciamento do Presidente Bolsonaro em rede nacional de TV e rádio. O discurso que deveria informar, conscientizar e pregar a união nacional foi justamente na contramão do que o nosso povo esperava.

Em cinco minutos de discurso, o Presidente buscou atacar os governadores e prefeitos que vem desempenhando um importante papel ao liderar as mais significativas ações de combate ao coronavírus e a imprensa, mas sobretudo, Bolsonaro zombou da angústia e do sentimento dos brasileiros que sofrem com os efeitos do coronavírus.

O presidente que por uma famigerada medida provisória retira direitos e a devida proteção legal dos trabalhadores, é o mesmo que fez a mais brutal reforma do sistema previdenciário. Se já não bastasse ter tirado as aposentadorias daqueles que hoje estão na linha de frente do COVID-19, Bolsonaro quer tirar a vida dessas pessoas ao defender em rede nacional um verdadeiro genocídio.

A fala de Bolsonaro não é um equívoco ou apenas irresponsabilidade, é crime! O chefe do poder executivo incentiva a aglomeração pública, a reabertura do comércio e o fim do confinamento, cenário perfeito para que o Brasil seja o epicentro da pandemia do coronavírus.

Ao desinformar a população e zombar da doença, o Presidente coloca sua assinatura em cada óbito de mãe, pai, avó, avô, filho e filha que forem acometidos por essa doença.

Repudiamos o discurso presidencial com fé que o Brasil superará a pandemia do coronavírus apesar da pandemia Bolsonaro. A pandemia Bolsonaro também será derrotada no momento certo para que o nosso país reencontre a paz e prosperidade.

Atenciosamente,
Antonio Neto

Compartilhe:

Leia mais
reunião fessergs reestruturação carreiras servidores rs
Servidores do RS pedem mais tempo para debater projetos de reestruturação de carreiras
Diretoria sindicato rodoviarios caxias do sul
Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários de Caxias do Sul (RS) reelege diretoria
senado e governo reoneração folha de pagamento
STF prorroga prazo para Senado e governo discutirem reoneração da folha de pagamento
eleição diretoria sindicato servidores são vicente 2024
Sindicato dos Servidores de São Vicente (SP) elege nova diretoria em disputa acirrada
lucro recorde fgts 2023
Lucro do FGTS quase dobra em um ano e atinge recorde de R$ 23,4 bilhões em 2023
comissão provisória csb-ba
Presidente da CSB-BA pede afastamento, e Antonio Neto nomeia comissão provisória
reunião centrais e governo lei igualdade salarial
Centrais e governo avaliam resultados do primeiro ano da Lei da Igualdade Salarial
mpt recomendação contadores contribuição sindicatos
Contador não pode incentivar oposição à contribuição sindical, orienta MPT
CSB no Forum Interconselhos 2024
Governo retoma Fórum Interconselhos com G20 Social e Plano Clima em foco
reuniões centrais sindicais 16 e 18 julho
Links: centrais realizam reuniões sobre agenda legislativa nos estados