geral

CSB inicia ciclo de seminários nesta sexta-feira (23) – Confira a programação completa

A Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) dá início nessa sexta-feira (23) a uma série de seminários preparatórios de formação para o seu III Congresso . Os seminários terão como foco as discussões sobre o emprego, sindicatos e o desenvolvimento econômico.

Nos reunimos neste ano com o desafio não só de definir os rumos da CSB e dos mais de 5 milhões de trabalhadores por ela representados, mas de fazê-lo em um dos mais graves e complexos momentos já vividos pela humanidade e sem dúvida por nossa geração.

PARA SE INSCREVER CLIQUE AQUI

Na abertura, às 14h, Ciro Gomes e Antonio Neto, presidente da CSB, discutem um Projeto Nacional de Desenvolvimento para o Brasil.

Para Ciro Gomes, é preciso a união entre trabalhadores e setor produtivo para superar os graves problemas econômicos e sociais do país.

“O debate sobre um Projeto Nacional de Desenvolvimento passa por ampla discussão com os trabalhadores. Somente unindo quem trabalha com quem produz será possível trilhar os caminhos para superação dessa tragédia que estamos vivendo nos últimos anos”, afirma Ciro.

Antonio Neto ressalta a importância da unidade dos trabalhadores para derrotar Bolsonaro e recuperar o país no pós-pandemia.

“A CSB inicia os preparativos para o seu 3° Congresso Nacional em um momento onde o luto das mais de 540 mil vidas perdidas precisa se fazer verbo. Mais uma vez, a unidade das trabalhadoras e trabalhadores brasileiros será fundamental para derrotarmos esse governo genocida e construirmos os caminhos para a reconstrução do Brasil a partir de um Projeto Nacional de Desenvolvimento, diz o presidente da CSB.

Na sequência do debate de abertura, haverá mesas com o economista Nelson Marconi, o empresário Eduardo Moreira, criador do movimento “Somos 70%”, a ex-auditora fiscal Maria Lucia Fattorelli, coordenadora da Auditoria Cidadã da Dívida, e o ex-senador Roberto Requião (MDB), entre outras personalidades acadêmicas, políticas e sindicais.

Em agosto, acontecem ainda outros três seminários preparatórios nos dias 6, 13 e 20, sobre os temas “Movimento sindical e o futuro do emprego”, “Democracia, Constituição e os direitos humanos” e “A agenda dos trabalhadores brasileiros”.

O 3º Congresso da CSB será realizado entre os dias 9 e 11 de setembro, representando mais de 5 milhões de trabalhadores e tem 900 sindicatos filiados, além de três federações.

Por causa da pandemia, todos os eventos serão online e transmitidos pelo YouTube e pelas redes sociais da CSB. Para entrar na sala do Zoom onde acontecem os debates é preciso fazer inscrição.

Veja abaixo a programação completa do evento:

23/07 – Desenvolvimento Econômico

14:00 – Projeto Nacional de Desenvolvimento com Antonio Neto e Ciro Gomes

15:00 – Os caminhos para a geração de emprego com Nelson Marconi, Uallace Moreira, Clemente Ganz e mediação de Paulo de Oliveira

16:00 – A revogação da destruicão neoliberal com Eduardo Moreira, Maria Lúcia Fattorelli, José Silvestre e mediação de Alvaro Egea

17:00 – O governo Biden e as lições para o Brasil com Elias Jabbour, José Luis Oreiro, Pedro Costa Jr. e mediação de Sergio Arnoud

18:00 – O caminho para o Desenvolvimento Sustentável com Gilberto Natalini, Rogerio Studart, Barbara Panseri e mediação de Cezar Amin Pasqualin

19:00 – Brasil Soberano: O papel das empresas públicas no desenvolvimento nacional com Roberto Requião, Lea Vidigal, Rodrigo Salgado, Alessandro Octaviano e mediação de Aires Ribeiro

06/08 – Movimento Sindical e o Futuro do Trabalho

14:00 – Os impactos da COVID-19 no mercado de trabalho

15:00 – Reforma Sindical e  PEC 196/20

16:00 – Financiamento Sindical

17:00 – A precarização do emprego e os novos modelos de trabalho

18:00 – Reforma Administrativa e a destruição do Serviço Público Brasileiro

19:00 – Direito Comparativo: Convenções Internacionais da OIT

13/08 – Democracia, Constituição e os Direitos Humanos

14:00 – A agenda das mulheres trabalhadoras em um Projeto Nacional de Desenvolvimento

15:00 – A defesa do SUS e dos princípios democráticos da Constituição de 1988

16:00 – O direito de lutar

17:00 – Os caminhos para a superação do Racismo no mercado de trabalho

18:00 – O papel das Forças Armadas na Democracia Brasileira

19:00 – Democracia e Frente Ampla: Os caminhos para 2022

20/08 – A Agenda dos trabalhadores brasileiros

14:00 – A Reforma Tributária que queremos

15:00 – A agenda dos Trabalhadores Rurais

16:00 – Agenda Parlamentar das Centrais Sindicais

17:00 – A luta pela carreira única na Segurança Pública

18:00 – O desmonte das NRs e da Saúde do Trabalho

19:00 – Os caminhos para derrotar Jair Bolsonaro e o projeto neoliberal

Compartilhe:

Leia mais
discurso lula OIT
Em discurso na OIT, Lula destaca precarização e informalidade como desafios para justiça social
Antonio Neto CSB na OIT 12-06-24
Antonio Neto na OIT: Tecnologias disruptivas podem ser oportunidade para os trabalhadores
Centrais sindicais apresentam denúncia contra governo do Paraná à OIT
Centrais denunciam governo do Paraná na OIT por repressão de greve de professores
FGTS correção inflação decisão stf
Acordo entre centrais e AGU prevalece no STF: FGTS deverá ter correção mínima pela inflação
miguel torres discurso centrais sindicais oit
Centrais pedem fim do golpismo no Brasil em discurso dos trabalhadores na OIT
Luiz Marinho discursa na OIT 2024
Na OIT, Luiz Marinho defende sindicatos e taxação de grandes fortunas
vigilantes niterói ato 13 de junho
Vigilantes de Niterói convocam ato por mais segurança para mulheres da categoria
vinicolas-no-rs-tinham-200-pessoas-em-condicoes-analogas-a-escravidao
Auditores fiscais do Trabalho repudiam fala de dirigente da CNA sobre trabalho escravo
assembleia rodoviários pelotas 10-6-2024
Rodoviários de Pelotas começam a negociar acordos em cenário após enchentes
Comitiva da CSB com ministro Luiz Marinho na Conferência da OIT 2024
Em reunião do Brasil na OIT, empresário diz que Bolsa Família atrapalha mão de obra