Taxistas de Niterói (RJ) estudam disponibilizar serviço em aplicativo de celular

Já em funcionamento em Fortaleza, a plataforma garante segurança e praticidade aos passageiros

O diretor do Sindicato dos Taxistas do Estado do Ceará (SINDITAXI/CE) e vice-presidente da CSB, Francisco Albuquerque Moura, e representantes do Sindicato dos Taxistas de Niterói (RJ) debateram a implementação de aplicativo de celular para táxis na cidade fluminense. A reunião foi realizada na sede do sindicato, na última quinta-feira (29).

Na avaliação de Moura, a plataforma é importante para os profissionais e para a sociedade. “Para a categoria porque é mais uma ferramenta de trabalho, mais uma opção que o taxista vai ter para ajudar no seu faturamento, no seu dia a dia. Já a população terá mais um serviço de qualidade porque é um aplicativo que trabalha única e exclusivamente com a categoria dos taxistas. Então, o aplicativo vai oferecer um serviço com qualidade, segurança e transparência”, afirmou.

A ideia do app Táxi Brasil, já em funcionamento em Fortaleza, é trabalhar com bonificações para ambos os lados. “O aplicativo vai lançar promoções tanto para o taxista como para população descontos, corridas premiadas. Vai premiar o taxista que for escolhido como o melhor do mês, o que fizer mais corridas, o que tiver avaliação melhor da população”, informou o vice-presidente.

Para o porta-voz do Sindicato dos Taxistas de Niterói, Celso José Wermelinger,

“hoje em dia a gente não pode mais olhar para o futuro e não ver o passageiro chamando o táxi por aplicativo”. “Os jovens de 12, 13, 15 anos não vão mais esticar o braço na rua para chamar o táxi. Ele vai dar um clique no seu celular. Quem não se adaptar a isso, vai ficar para trás”, acrescentou.

A criação da plataforma para a base do sindicato está em análise e será debatida na próxima reunião de diretoria.

 

 

 

Compartilhe:

Leia mais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"