Sindpd inova e realiza assembleias virtuais com os trabalhadores

Medida surge como uma alternativa em meio à pandemia coronavírus, que vem atingindo em cheio os profissionais de TI

O Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados e TI realizou na tarde desta quinta-feira (16) duas assembleias virtuais com os trabalhadores das empresas Ponto.Sys e T&T para debater e deliberar sobre as propostas de Acordo Coletivo de Trabalho apresentada pelas empresas diante da pandemia coronavírus.

Com boa adesão, os encontros virtuais foram comandadas pelo Diretor do Sindpd, Carlos do Carmo Silva, que aprovou junto aos trabalhadores por unanimidade as propostas que serão encaminhadas para a empresa. Passadas as MPs 937 e 905, a conjuntura não tem sido fácil para o lado de cá da balança. Por isso, Carlos também falou da importância dos sindicatos para equilibrar forças na hora da negociação com o patronal.

“Sozinhos somos ameaçados pela caneta do patrão. Juntos e representados pela legítima organização dos trabalhadores, os sindicatos, conseguimos equilibrar forças e assim garantir acordos justos. Pedimos que vocês procurem o Sindpd quando precisar e venham construir e participar do sindicato para fortalecer a categoria.”, afirmou o diretor.

Também presente, o Presidente do Sindpd, Antonio Neto, agradeceu a presença de todos apesar do momento e mostrou a importância do sindicato nas negociações.

“O momento é muito grave, estamos vivendo uma pandemia sem precedentes, mas agora é o momento dos trabalhadores se unirem. Estamos iniciando esse processo de assembleias virtuais para falar com os nossos trabalhadores e buscar os melhores entendimentos. O Sindpd está aqui para garantir acordos justos que protejam os trabalhadores. E defender os trabalhadores é salvar vidas, protegendo empregos e a renda do trabalhador. É muito importante a presença de todos no processo para encontrarmos os melhores acordos”, falou Neto em saudação inicial.

Ponto.Sys

Os trabalhadores da Ponto.Sys debateram a proposta apresentada que previa redução da jornada e salários por um período de 90 dias.
Foi deliberada, em assembleia, a apresentação de uma contra-proposta do Sindpd à empresa alterando os percentuais de redução salarial e da jornada.

Nova assembleia será realizada para debater os novos parâmetros.

T&T

Os empregados da T&T se reuniram em seguida para discutir a proposta apresentada pela empresa, que altera pontos no pagamento de férias, escala em jornadas offshore e regulamenta as condições para o trabalho em regime de teletrabalho ou homeoffice.

A T&T presta serviços em Plataformas Marítimas de exploração de Petróleo.

Os trabalhadores aprovaram a proposta. E o acordo foi encaminhado para celebração entre as partes.

Compartilhe:

Leia mais
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"
lula critica campos neto
Lula diz que Campos Neto tem lado político e trabalha para prejudicar o país
campos neto presidente bc
Procurador pede investigação sobre influência de bancos na definição dos juros pelo BC
Encontro CSB China
CSB promove encontros com entidades sindicais chinesas em SP e RJ; inscreva-se
CSB-RS conselho plano rio grande
Reconstrução do RS: CSB toma posse como membro do Conselho do Plano Rio Grande
distribuição extra fgts
Após acordo com centrais, governo fará distribuição extra do FGTS aos trabalhadores