Sintaxi-MS

Sindicato dos Taxistas do Mato Grosso do Sul é novo filiado da CSB

“A vinda da entidade vem fortalecer a luta em defesa da categoria, a luta do Brasil, contra as reformas trabalhista e da Previdência”, afirma vice-presidente da Central

A CSB tem como novo filiado o Sindicato dos Taxistas do Estado de Mato Grosso do Sul. A filiação foi devidamente regularizada no Ministério do Trabalho nesta segunda-feira (17).

O diretor do Sindicato dos Taxistas do Estado do Ceará e vice-presidente da CSB, Francisco Albuquerque Moura, acompanhou todo o processo de filiação. “Trata-se de um sindicato de muita representatividade no estado, um sindicato forte, atuante, que participou com toda a determinação, com toda a garra, desse processo da regulamentação dos aplicativos em Brasília e está participando da regulamentação em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul”, ressaltou Moura.

“Para nós, da CSB, é de fundamental importância ter um sindicato dessa natureza fazendo parte das fileiras da CSB, consolidando a CSB como a Central de mais representatividade da luta dos taxistas. A vinda da entidade vem fortalecer a luta em defesa da categoria, a luta do Brasil, contra as reformas trabalhista e da Previdência”, afirmou.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Taxistas do Estado de Mato Grosso do Sul, Bernardo Quartin Barrios, o trabalho feito no Congresso Nacional para regulamentação dos aplicativos “fez com que a categoria do táxi criasse mais robustez e se fortalecesse, criasse laços, e foi nesse momento que surgiu o vínculo com a CSB”. Para ele, o objetivo é que os taxistas se fortaleçam não apenas no MS, mas em todo o País.

Compartilhe:

Leia mais
discurso lula OIT
Em discurso na OIT, Lula destaca precarização e informalidade como desafios para justiça social
Antonio Neto CSB na OIT 12-06-24
Antonio Neto na OIT: Tecnologias disruptivas podem ser oportunidade para os trabalhadores
Centrais sindicais apresentam denúncia contra governo do Paraná à OIT
Centrais denunciam governo do Paraná na OIT por repressão de greve de professores
FGTS correção inflação decisão stf
Acordo entre centrais e AGU prevalece no STF: FGTS deverá ter correção mínima pela inflação
miguel torres discurso centrais sindicais oit
Centrais pedem fim do golpismo no Brasil em discurso dos trabalhadores na OIT
Luiz Marinho discursa na OIT 2024
Na OIT, Luiz Marinho defende sindicatos e taxação de grandes fortunas
vigilantes niterói ato 13 de junho
Vigilantes de Niterói convocam ato por mais segurança para mulheres da categoria
vinicolas-no-rs-tinham-200-pessoas-em-condicoes-analogas-a-escravidao
Auditores fiscais do Trabalho repudiam fala de dirigente da CNA sobre trabalho escravo
assembleia rodoviários pelotas 10-6-2024
Rodoviários de Pelotas começam a negociar acordos em cenário após enchentes
Comitiva da CSB com ministro Luiz Marinho na Conferência da OIT 2024
Em reunião do Brasil na OIT, empresário diz que Bolsa Família atrapalha mão de obra