Servidores de Janaúba (MG) dão continuidade à greve com passeata e garantida da legalidade da paralisação

No terceiro dia de paralisação, nesta sexta-feira (16 de março), os servidores grevistas de Janaúba fizeram, pela manhã, uma passeata pelas ruas da cidade (fotos). Além da garra natural, de quem está defendendo seus direitos, os trabalhadores tiveram uma boa notícia, que serviu de mais combustível para a luta: a garantia da legalidade do movimento. A Administração Municipal impetrou uma ação nesse sentido, negada pelo desembargador Wander Marota, quer não viu “nenhuma ilegalidade no movimento grevista”.

Agora, o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Janaúba (SINDIJANA) vai contra-atacar e denunciar a Administração Municipal por crimes de abuso ao direito de greve e de improbidade administrativa. “Ao substituir de maneira arbitrária alguns servidores, principalmente os auxiliares de serviços gerais da Educação, sem ao menos ter havido qualquer descontinuidade nos serviços essenciais, o prefeito municipal, Carlos Isaildon Mendes (PSDB), cometeu uma grave ilegalidade”, explicou a assessora jurídica do SINDIJANA, Patrícia Santos Dutra.

Na passeata desta sexta-feira, os servidores levaram faixas listando as reivindicações: 1) reajuste salarial; 2) pagamento de progressão horizontal/adicional de desempenho devido; 3) reestruturação do Plano de Cargos e Salários dos servidores em geral e da Educação; 4) melhoria nas condições de trabalho; 5) estudo técnico para pagamento de insalubridade; 6) regulamentação da jornada 12 por 36 horas; 7) reforma do Estatuto do Servidor, e 8) formas de combater o assédio moral.

O movimento dos trabalhadores de Janaúba tem o apoio incondicional da FESERP-MG, CSB (Central dos Sindicatos Brasileiros) e CSPB (Confederação dos Servidores Públicos do Brasil)

Fonte: FESERP/MG

Compartilhe:

Leia mais
CSB no Forum Interconselhos 2024
Governo retoma Fórum Interconselhos com G20 Social e Plano Clima em foco; CSB participa
reuniões centrais sindicais 16 e 18 julho
Centrais realizam reuniões por região nos dias 16 e 18 de julho sobre agenda legislativa; participe
reunião CNT 10-7-24
CNT discute ação coordenada diante de transformações no mercado de trabalho
Ernesto e Álvaro CSN reunião Consea
CSB indicará nome para substituir Lino de Macedo no Conselho de Segurança Alimentar
protesto servidores Ipsemg 9-7-24
Em meio a protestos dos servidores, projeto que altera regras do Ipsemg tem votação adiada
ministro do trabalho luiz marinho saqui aniversário fgts
Ministro do Trabalho quer fim do bloqueio do FGTS para quem optou por saque-aniversário
regra-nas-relacoes-de-trabalho-clemente-ganz-lucio
Clemente Ganz: Negociação coletiva e a estratégia de desenvolvimento produtivo
Projeto de lei motoristas em apps
Centrais sindicais criticam alterações em projeto de motoristas em apps
Protesto servidores Ipsemg
Sindicato dos Servidores do Ipsemg convoca para protesto contra projeto sobre o Instituto
Ministro Carlos Lupi e José Avelino Pereira Sinab CSB
Presidente do Sinab assume posto no Conselho Nacional de Previdência Social