Federação dos Servidores Municipais de Goiás elege nova diretoria com apoio da CSB-GO

O Conselho de Representantes dos Sindicatos dos Servidores Público Municipais de Goiás elegeu a nova diretoria e conselho fiscal da Fessmego (Federação das Entidades Sindicais dos Servidores Públicos Municipais do Estado de Goiás) em assembleia realizada nesta quinta-feira (30) em Goiânia.

A comissão eleitoral foi presidida por Sandro Jadir, presidente da CSB-GO, que declarou a vitória da chapa encabeçada por Sandro Pereira Valverde. Jadir parabenizou Valverde por sua habilidade de articulação, que permitiu se chegasse a um consenso para se formar uma chapa única, que teve aprovação unânime do Conselho.

“Esta unidade é fundamental para que a entidade consiga atuar de forma firme e intransigente na defesa dos direitos e benefícios dos servidores municipais”, afirmou.

O presidente da CSB-GO destacou que a central tem sido parceira da Fessmego há anos e que “continuará atuando para o fortalecimento das entidades e a organização daquelas que ainda não estão com registro sindical”.

O novo presidente da Fessmego agradeceu o apoio da CSB tanto no processo, quanto na luta pelos direitos dos servidores. “Temos orgulho de pertencer a uma central combativa, com lideranças expressivas, e que tem sempre apoiado e defendido os servidores públicos e as entidades que os representam”, disse.

Valverde aproveitou também para lembrar da importância de os trabalhadores elegerem representantes que defendam seus direitos, e que as eleições municipais de 2024 são especialmente cruciais para a categoria de municipários.

“Os trabalhadores devem ter candidatos que sejam defensores da causa trabalhista e empenhar para que a nossa representação aumente nos legislativos municipais”, alertou.

A CSPB (Confederação dos Servidores Públicos do Brasil) também apoiou o processo e foi representada na assembleia nesta quinta por Fátima Helena, que destacou a importância da unidade e parceria das entidades representativas da categoria.

O novo mandato da Diretoria e do Conselho Fiscal é de cinco anos, iniciando já nesta sexta-feira, 1º de dezembro de 2023, e com término em 30 em novembro de 2028.

Veja também: Com apoio da CSB, Sindef-RS elege nova diretoria pautada pela transparência

Compartilhe:

Leia mais
mpt recomendação contadores contribuição sindicatos
Contador não pode incentivar oposição à contribuição sindical, orienta MPT
CSB no Forum Interconselhos 2024
Governo retoma Fórum Interconselhos com G20 Social e Plano Clima em foco; CSB participa
reuniões centrais sindicais 16 e 18 julho
Centrais realizam reuniões por região nos dias 16 e 18 de julho sobre agenda legislativa; participe
reunião CNT 10-7-24
CNT discute ação coordenada diante de transformações no mercado de trabalho
Ernesto e Álvaro CSN reunião Consea
CSB indicará nome para substituir Lino de Macedo no Conselho de Segurança Alimentar
protesto servidores Ipsemg 9-7-24
Em meio a protestos dos servidores, projeto sobre Ipsemg tem votação adiada
ministro do trabalho luiz marinho saqui aniversário fgts
Ministro do Trabalho quer fim do bloqueio do FGTS para quem optou por saque-aniversário
regra-nas-relacoes-de-trabalho-clemente-ganz-lucio
Clemente Ganz: Negociação coletiva e a estratégia de desenvolvimento produtivo
Projeto de lei motoristas em apps
Centrais sindicais criticam alterações em projeto de motoristas em apps
Protesto servidores Ipsemg
Sindicato dos Servidores do Ipsemg convoca para protesto contra projeto sobre o Instituto