Mercado de trabalho se manterá aquecido, diz FGV

Indicador Coincidente de Desemprego recusou em dezembro

O mercado de trabalho brasileiro continuará aquecido nos próximos meses, afirmou nesta terça-feira (8) o pesquisador da área de economia aplicada do Ibre/FGV (instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas) Fernando de Holanda Barbosa Filho.

A avaliação do especialista é baseada no IAEmp (Indicador Antecedente de Emprego), que caiu 0,3% na passagem de novembro para dezembro, feitos os ajustes sazonais.

“Essa variação denota estabilidade, ou seja, o mercado de trabalho continua aquecido. A tendência ainda é de um mercado de trabalho apertado”, afirmou o economista.

Também divulgado nesta terça-feira pela FGV, o ICD (Indicador Coincidente de Desemprego) recuou 2,4% em dezembro na comparação com novembro.

Nesse período, o ICD atingiu o segundo menor nível da série histórica, 60,9 pontos, superior apenas ao de dezembro de 2011, de 60,4 pontos. O ICD busca antecipar os resultados da PME (Pesquisa Mensal do Emprego), do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Por isso, Barbosa Filho acredita que a taxa de desocupação medida pela PME, que estava em 4,9% em novembro, caia em dezembro.

“Esperamos que a taxa de desocupação da PME entre novembro e dezembro caia, mas muito pouco. Ela deve ficar em um patamar semelhante ao de dezembro de 2011″, disse o economista, referindo-se ao mês em que a taxa de desocupação da PME chegou a 4,7% — o menor nível da série histórica, iniciada em março de 2002.

Fonte: Valor Econômico

Compartilhe:

Leia mais
Chinelo - Antonio Neto e Cosme Nogueira fundação Fesmig
CSB, Sinab e CSPM celebram criação da Fesmig - Federação dos Servidores de Minas Gerais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)