Federação dos servidores de São Paulo promove encontros para tratar de unidade e engajamento junto aos sindicatos filiados

Primeira palestra do evento da FESSPMESP aconteceu no Guarujá e deve percorrer por outros 42 municípios do estado de São Paulo nos próximos três meses

Filiada à CSB, a Federação dos Sindicatos dos Servidores e Funcionários Públicos das Câmaras de Vereadores, Fundações, Autarquias e Prefeitura Municipais do Estado de São Paulo (FESSPMESP) realizou na manhã desta terça-feira (20), na sede do Sindicato dos Funcionários Públicos da Prefeitura Municipal do Guarujá, no litoral paulista, treinamento para dirigentes sindicais de sete diferentes cidades da região, com ênfase na importância do voto em tempos de reformas e tentativas por parte do executivo e legislativo de retirar direitos trabalhistas.

Estiveram presentes cerca de 35 dirigentes das cidades de São Vicente, Guarujá, Peruíbe, Cubatão, Praia Grande, Santos e Ubatuba, além do presidente da Seccional São Paulo da CSB, Igor Pereira, que viu como positiva a iniciativa.

“O seminário é muito importante, é o fortalecimento e organização dos trabalhadores para enfrentar novos desafios”, falou Pereira, que também é presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Itatiba e Região.

Com o objetivo de unificar as ações dos sindicatos filiados à entidade estadual e mostrar a importância do voto em candidatos que representem verdadeiramente o movimento dos trabalhadores, o encontro deve acontecer nos próximos três meses em outras 42 regionais, como a de Itu, a 100 km da capital, que deverá receber a próxima edição do evento.

“A nossa proposta é unificar as ações dos nossos filiados. Queremos transmitir a eles segurança no projeto, mostrar informações de como anda este projeto, transmitir que o projeto caminha para o sucesso. Também queremos clarear e mostrar que o momento que estamos vivendo traz a necessidade de termos uma representação dos trabalhadores e que esses trabalhadores unidos conseguiram eleger até um presidente. Já experimentamos que com a unidade é possível alcançar inclusive a eleição do mandatário maior do País”, disse o presidente da Federação, Aires Ribeiro, que ainda explicou o que é preciso para o sucesso do projeto.

“É necessário engajamento, acreditar e trabalhar bastante. Basta olhar o que a gente conseguiu com a nossa luta, conseguimos que o projeto da reforma da Previdência fosse engavetado. Essas são demonstrações de unidade e de ação de que a gente pode avançar muito”, finalizou.

Compartilhe:

Leia mais
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"
lula critica campos neto
Lula diz que Campos Neto tem lado político e trabalha para prejudicar o país
campos neto presidente bc
Procurador pede investigação sobre influência de bancos na definição dos juros pelo BC
Encontro CSB China
CSB promove encontros com entidades sindicais chinesas em SP e RJ; inscreva-se
CSB-RS conselho plano rio grande
Reconstrução do RS: CSB toma posse como membro do Conselho do Plano Rio Grande
distribuição extra fgts
Após acordo com centrais, governo fará distribuição extra do FGTS aos trabalhadores