Centrais sindicais se reúnem com Governador Flávio Dino para discutir a superação da crise

No encontro, que ocorreu nesta quarta-feira, tanto as centrais quanto Flávio Dino apresentaram ações e propostas efetivas

Enquanto Jair Bolsonaro fica em permanente campanha eleitoral, o Brasil está prestes a atingir o triste o número de 100 mil vítimas fatais pela pandemia de covid-19. Porém ainda existem lideranças e entidades interessadas em superar a atual crise sanitária e socioeconômica. Foi a partir desse interesse que a reunião entre o Governador do Maranhão, Flávio Dino, e as centrais sindicais foi realizada.

O encontro ocorreu na manhã desta quarta-feira (05) via videoconferência e pautou as medidas e tarefas necessárias para superarmos a atual crise.

O presidente do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), Clemente Ganz Lúcio, representou as centrais e apresentou as tarefas e reivindicações feitas pelas entidades. “Desde o início já vínhamos apontando as ações mais necessárias, como, por exemplo, auxiliar pequenas e médias empresas, em contrapartida garantir a manutenção dos empregos. Defendemos também a manutenção do auxílio emergencial até o final deste ano”.

Já Flávio Dino, em sua fala, refutou a retórica bolsonarista, de que devemos sacrificar as vidas dos brasileiros e prol de nossa economia. “Existe uma enorme proximidade entre a preservação da vida e a defesa da economia. Percebemos no Maranhão que conforme superamos o coronavírus, retomamos as atividades econômicas com mais facilidade”, afirmou Dino.

O Governador também propôs – dando continuidade ao Pacto Nacional Pelo Emprego – o diagnóstico dos problemas para chegarmos em medidas efetivas. “Devemos pautar as saídas a Bolsonaro, não porque ele vai acatar, mas para trazermos esses temas ao debate público. É prioridade um pacto nacional, a implantação de obras públicas e também o pagamento de auxílios que visem a preservação do empregos”, finalizou, Dino.

Compartilhe:

Leia mais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"