Centrais e senadores Calheiros e Paim alinham mobilização contra a reforma trabalhista

Representações acordaram que agora é o momento de trabalhar de maneira incisiva nas bases eleitorais dos parlamentares indecisos e que apoiam a reforma

Centrais sindicais, inclusive a CSB, e os senadores Renan Calheiros (AL), líder do PMDB no Senado, e Paulo Paim (PT-RS) traçaram estratégias contra a tramitação da reforma trabalhista. A reunião, realizada nesta quarta-feira (31), também contou com a presença dos senadores Hélio José (PMDB-DF) e Roberto Requião (PMDB-PR).

Segundo o vice-presidente da Central Sandro Jadir, parte dos congressistas entende que o projeto não deveria ser votado.  “O governo tem jogado duro, pesado, mas as centrais também têm se mobilizado. Há uma conscientização também por parte dos senadores de que não seria o momento oportuno para votar a reforma. Estão cientes de que, na atual conjuntura, o debate dessa matéria não caberia”, pontuou.  “A CSB tem se colocado guardiã dos direitos, das conquistas, dos benefícios adquiridos pelo trabalhador até aqui”, frisou Jadir.

As representações acordaram que agora é o momento de trabalhar de maneira incisiva nas bases eleitorais dos parlamentares indecisos e que apoiam a reforma. “Estão todos estão imbuídos em buscar esses votos para que a gente consiga derrubar a reforma ainda na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado”, afirmou o secretário de Organização e Mobilização da CSB, Itamar Kunert.

A entidade também foi representada pelo assessor parlamentar Ernesto Luiz Pereira.

Andamento na CAE

A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal debateu nesta terça-feira (30) o relatório sobre a proposta de reforma trabalhista (PLC 38/2017). Em acordo entre base e oposição, a votação do texto será realizada na próxima terça-feira (6).

No relatório, o senador Ricardo Ferraço (PSDB–ES) sugeriu que os parlamentares abram mão do direito de legislar e que aprovem a versão da Câmara dos Deputados. Dessa maneira, qualquer veto ficaria a critério da Presidência da República (leia mais).

Compartilhe:

Leia mais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"