Sindicatos da CSB de São Paulo se reúnem em Tupã para ampliar filiações

Ocorreu em Bauru o primeiro encontro dos dirigentes da Central que debateram o fortalecimento da entidade

 

Representantes de entidades sindicais associadas à CSB (Central dos Sindicatos Brasileiros) promovem no próximo dia 24, em Tupã-SP, nova reunião para organização e composição da CSB São Paulo. Trata-se de uma unidade da central no Estado que terá como finalidade dialogar diretamente com os sindicatos parceiros.

Em fevereiro, integrantes de 40 sindicatos já participaram de um primeiro encontro na sede do Seaac de Bauru, onde foram delineados pontos que visam o fortalecimento da CSB enquanto central sindical no Estado.

REUNIÃO BAURU 2

Nestas reuniões, sindicalistas associados estão apresentando sugestões sobre como deverá atuar a CSB no Estado, para que a central ganhe respeito diante de outras representações sindicais, após o seu reconhecimento pelo Ministério do Trabalho e Emprego, no início deste ano.

“Nós estamos dialogando sobre qual será o papel da CSB em São Paulo, estado que já sedia a direção nacional, mas que precisa ter a sua própria diretoria. Esta unidade, assim como as que serão criadas nas demais unidades federativas do Brasil, irá trabalhar para o crescimento da nossa central. Estamos promovendo encontros pontuais para realizarmos, futuramente, um congresso de onde sairão os componentes na direção da CSB São Paulo”, explica José Avelino Pereira, o Chinelo, vice-presidente nacional da CSB.

Para ele, a composição da central nos estados segue direcionamento passado pelo presidente nacional, Antônio Neto, que é o de fortalecer a CSB atraindo novos sindicatos. “Conversamos bastante sobre isso em Bauru e faremos o mesmo agora em Tupã. Estamos trabalhando com os nossos companheiros sindicalistas, a necessidade de trazermos mais sindicatos para a CSB. O nosso sucesso, na defesa dos trabalhadores que representamos, depende muito disso”, diz Chinelo.

O encontro do dia 24, em Tupã-SP, ocorrerá na sede do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, localizada á rua Tupiniquim, número 20-A, no centro da cidade. Em abril, um terceiro encontro já está agendado para ocorrer em Sorocaba.

“Nós sabemos a luta de todos os envolvidos para que a CSB fosse reconhecida nacionalmente. Agora, como uma central sindical oficializada, temos que trabalhar ainda mais para o seu crescimento. E participar destes encontros tem sido fundamental para a gente enquanto dirigentes sindicais”, avalia Igor Tiago Pereira, presidente do Sindicado dos Metalúrgicos de Itatiba e Região, que já é associado à CSB.

Compartilhe:

Leia mais
Chinelo - Antonio Neto e Cosme Nogueira fundação Fesmig
CSB, Sinab e CSPM celebram criação da Fesmig - Federação dos Servidores de Minas Gerais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)