Governo publica MP com o novo reajuste do Imposto de Renda

Presidente da CSB afirma que a decisão ainda não é a ideal, mas já beneficia os trabalhadores que ganham menos

O governo publicou hoje, 11 de março, no Diário Oficial da União, Medida Provisória (MP 670) que estabelece o novo reajuste da tabela do Imposto de Renda. A nova regra prevê um aumento escalonado do IR, em 6,5%, 5,5%, 5% e 4,5%, de acordo com a faixa salarial. Quanto menor a faixa, maior a correção. A medida vale a partir de abril de 2015 e não atinge as declarações que começaram a ser feitas em março.

Pela nova tabela, quem ganha até R$ 1.903,98 fica isento de pagamento do Imposto. Para o presidente da CSB, este patamar não é o ideal, mas ele considera importante a correção da tabela do IR. “Precisamos ter responsabilidade. A política do ‘tudo ou nada’ já fez com que os trabalhadores perdessem muito num passado recente, a exemplo do fator previdenciário e da redução da jornada de trabalho”, explicou Antonio Neto.

O dirigente afirmou que a luta pela reposição das perdas continuará. “A partir de agora, já na reunião desta tarde com os ministros, vamos pressionar o governo para estabelecer um cronograma gradual para a correção e a cobertura do déficit acumulado no governo FHC”, destacou.

 Na avaliação de Neto, o novo cálculo já atinge a parcela dos trabalhadores que ganham menos da correção da tabela. “Um fator importante desse sistema é que já passa a beneficiar os que ganham menos, caminhando no sentido de equilibrar a cobrança de impostos”, pontuou o presidente.

Tabela

A correção da tabela foi definida em reunião entre líderes do Congresso e o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, ontem, 10 de março. Confira as novas faixas salariais e alíquotas após o reajuste:

Faixa salarial                          Alíquota
R$ 1.903,99 a R$2.826,65 7,5%
R$ 2.826,66 a R$ 3.751,05 15%
R$ 3751,06 a R$ 4.664,68 22,5%

Compartilhe:

Leia mais
reunião fessergs reestruturação carreiras servidores rs
Servidores do RS pedem mais tempo para debater projetos de reestruturação de carreiras
Diretoria sindicato rodoviarios caxias do sul
Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários de Caxias do Sul (RS) reelege diretoria
senado e governo reoneração folha de pagamento
STF prorroga prazo para Senado e governo discutirem reoneração da folha de pagamento
eleição diretoria sindicato servidores são vicente 2024
Sindicato dos Servidores de São Vicente (SP) elege nova diretoria em disputa acirrada
lucro recorde fgts 2023
Lucro do FGTS quase dobra em um ano e atinge recorde de R$ 23,4 bilhões em 2023
comissão provisória csb-ba
Presidente da CSB-BA pede afastamento, e Antonio Neto nomeia comissão provisória
reunião centrais e governo lei igualdade salarial
Centrais e governo avaliam resultados do primeiro ano da Lei da Igualdade Salarial
mpt recomendação contadores contribuição sindicatos
Contador não pode incentivar oposição à contribuição sindical, orienta MPT
CSB no Forum Interconselhos 2024
Governo retoma Fórum Interconselhos com G20 Social e Plano Clima em foco
reuniões centrais sindicais 16 e 18 julho
Links: centrais realizam reuniões sobre agenda legislativa nos estados