CSB RS promove cursos de qualificação para pescadores em parceria com a Colônia Z40 de Tramandaí

Cerca de 240 trabalhadores podem ser beneficiados pela ação

Com o objetivo de qualificar os pescadores do litoral norte do Rio Grande do Sul, a CSB RS firmou, no último sábado (2), uma parceria com a Colônia de pescadores Z40 para oferecer cursos aos profissionais do município de Tramandaí. Formação sindical, curso técnico de mecânica para barcos, educação fiscal, jurídica e ensino sobre preservação ambiental estão entre as aulas previstas, que serão ministradas na própria cidade. Todos os cursos são gratuitos.

De acordo com o secretário de Comunicação da Seccional gaúcha, André Costa, o principal intuito da iniciativa é capacitar a mão de obra pesqueira da região e fortalecer a presença de todas as organizações dos trabalhadores na comunidade. Além da Central e da Colônia Z40, o Fórum dos Pescadores do Litoral Norte do estado – representante de 21 municípios – também colaborará com a coordenação dos cursos.

“É muito importante darmos atenção a uma categoria que luta de uma maneira descomunal. Eles são profissionais que vivem da pesca artesanal e nós sabemos como são as batalhas diárias contra a exploração das grandes empresas e em defesa da proteção do meio ambiente. Então, eles precisam de apoio e saber, por exemplo, quais são as regras e procedimentos para que o pescador esteja apto ao seguro-defeso, como fazer alguns tipos de manutenção no barco e economizar”, explica Costa.

Presidente do Fórum e secretário da Colônia Z40, Leandro Miranda afirma que 240 pescadores poderão ser beneficiados pelas formações apenas na cidade de Tramandaí, mas a ideia é conseguir estender a ação por todo o litoral. Segundo Miranda, quase 60 mil pessoas vivem diretamente da pesca artesanal no Rio Grande do Sul.

“Estamos em um cenário em que o setor pesqueiro necessita de uma representação mais acentuada. E essa representação significa garantir os direitos de exercício da profissão. Infelizmente, hoje temos um quadro federal, estadual e municipal com deficiência de políticas públicas voltadas à categoria, que começa na capacitação e vai até o credenciamento e o comércio. Só que não podemos esquecer que há pelo menos 17 mil pescadores habilitados e registrados no estado que demandam reivindicações nesses três campos. Por isso, firmamos essa parceria com a CSB, para tentar suprir parte da deficiência na área de qualificação”, ressalta.

O lançamento do projeto de cursos acontecerá na última sexta-feira do mês (29/06), às 19h, na sede da Colônia Z40. Na ocasião, as entidades entregarão informativos sobre a parceria entre a CSB RS e a organização dos pescadores e lançarão a programação do mês de julho.

Interessados em participar devem entrar em contato com a Colônia pelo telefone (51) 99816-5963 ou ir pessoalmente à sede da entidade, localizada na Avenida Flores da Cunha, 5181, bairro de Zona Nova – Tramandaí/RS.

Compartilhe:

Leia mais
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano Nacional para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"
lula critica campos neto
Lula diz que Campos Neto tem lado político e trabalha para prejudicar o país
campos neto presidente bc
Procurador pede investigação sobre influência de bancos na definição dos juros pelo BC
Encontro CSB China
CSB promove encontros com entidades sindicais chinesas em SP e RJ; inscreva-se
CSB-RS conselho plano rio grande
Reconstrução do RS: CSB toma posse como membro do Conselho do Plano Rio Grande
distribuição extra fgts
Após acordo com centrais, governo fará distribuição extra do FGTS aos trabalhadores