pobre

Efeitos da pandemia na pobreza e no trabalho expõem desafios sociais no Brasil

O cenário de inflação e os sinais de estagnação econômica têm se refletido na piora de indicadores sociais no Brasil – em especial, nos dados sobre renda e trabalho. Um levantamento da FGV Social apontou que quase 28 milhões de pessoas viviam abaixo da linha da pobreza no país em 2021. Antes da pandemia, esse número era de pouco mais de 23 milhões.

A repórter da CNN Brasil Carol Nogueira apresenta um balanço que você pode ouvir aqui do legado de desafios sociais imposto pela pandemia de Covid-19. Na cidade de São Paulo, a prefeitura registrou um crescimento de 31% da população em situação de rua entre 2019 e 2021. A quantidade de barracas espalhadas pela capital cresceu 330% no mesmo período.

Um outro aspecto social que desperta preocupação é o número de pessoas que trabalham em condições análogas às de escravidão: órgãos de fiscalização resgataram quase 2 mil trabalhadores nesta situação no ano passado – o maior número desde 2013.

Para descrever o quadro de problemas sociais agravados nos últimos anos, participam deste episódio o fundador da ONG SP Invisível, André Soler, e a pesquisadora Lys Sobral Cardoso, procuradora do Ministério Público do Trabalho.

Compartilhe:

Leia mais
discurso lula OIT
Em discurso na OIT, Lula destaca precarização e informalidade como desafios para justiça social
Antonio Neto CSB na OIT 12-06-24
Antonio Neto na OIT: Tecnologias disruptivas podem ser oportunidade para os trabalhadores
Centrais sindicais apresentam denúncia contra governo do Paraná à OIT
Centrais denunciam governo do Paraná na OIT por repressão de greve de professores
FGTS correção inflação decisão stf
Acordo entre centrais e AGU prevalece no STF: FGTS deverá ter correção mínima pela inflação
miguel torres discurso centrais sindicais oit
Centrais pedem fim do golpismo no Brasil em discurso dos trabalhadores na OIT
Luiz Marinho discursa na OIT 2024
Na OIT, Luiz Marinho defende sindicatos e taxação de grandes fortunas
vigilantes niterói ato 13 de junho
Vigilantes de Niterói convocam ato por mais segurança para mulheres da categoria
vinicolas-no-rs-tinham-200-pessoas-em-condicoes-analogas-a-escravidao
Auditores fiscais do Trabalho repudiam fala de dirigente da CNA sobre trabalho escravo
assembleia rodoviários pelotas 10-6-2024
Rodoviários de Pelotas começam a negociar acordos em cenário após enchentes
Comitiva da CSB com ministro Luiz Marinho na Conferência da OIT 2024
Em reunião do Brasil na OIT, empresário diz que Bolsa Família atrapalha mão de obra