Central dos Sindicatos Brasileiros

Sem acordo coletivo, mineiros de Candiota podem entrar em greve

Sem acordo coletivo, mineiros de Candiota podem entrar em greve

Na última terça-feira, 11, os mineiros da cidade de Candiota (RS) se reuniram em assembleia para discutir a possibilidade de entrar em greve, o que foi aprovado pelos trabalhadores.

A insatisfação dos profissionais da Companhia Riograndense de Mineração, foi gerada pelos sucessivos atrasos, por parte da empresa, em renovar o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

De acordo com o tesoureiro do Sindicato dos Mineradores de Candiota, Hermelindo Ferreira, o fechamento do ACT, que deveria ter ocorrido em maio do ano passado, vem sendo postergado.

Foi marcada uma nova reunião, para o dia 18 fevereiro, data que é vista com desconfiança pelos trabalhadores, já que é muito próxima a data limite de fechamento de acordo, no dia 1 de março. Tal atitude é vista como uma manobra para cercear as reivindicações dos funcionários da empresa.

Além do ACT, a questão do sucateamento e das terceirizações também foi mencionada por Hermelindo. “Acontece que, atualmente, 87% dos serviços de mineração da mina são terceirizados, apenas alguns maquinários são da empresa – o restante está sucateado. A situação é muito precária”, enfatizou.

Be Sociable, Share!