Lancamento-livro-1

Jornalista lança livro que revela o apoio de empresas alemãs na tortura de sindicalistas durante a ditadura

Lançamento acontece nesta quinta-feira (14), no centro de São Paulo

Acontece na noite desta quinta-feira (14), no centro da capital paulista, o lançamento do livro “Empresas alemãs no Brasil: o 7×1 na economia”, do jornalista alemão Christian Russau, que critica a atuação de diversas empresas alemãs no Brasil. Entre algumas multinacionais, o livro revela, através de muitos documentos, que a Volkswagen apoiou e financiou a prisão, o sequestro e a tortura de sindicalistas durante a ditadura militar.

Durante o evento, que acontece às 19h, o público presente poderá participar de um debate com o autor da obra e com o Lucio Bellentani, que atualmente é presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados do Brasil, entidade fundada e filiada à Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) e que sofreu na pele toda repressão revelada no livro.
A mediação do debate fica por conta de Verena Glass, da Fundação Rosa Luxemburgo, que é uma instituição de formação política.

Além da multinacional automobilística e do seu envolvimento com a ditadura, o livro conta como outras empresas alemãs faturaram com os riscos decorrentes da construção de grandes barragens na Amazônia, se beneficiaram da extração de minérios nas jazidas do Brasil, colaboram para a poluição de rios, intoxicação de trabalhadores brasileiros e como se envolveram em casos de corrupção.

A obra do jornalista alemão demostra que se a relação entre os dois países se limitasse ao 7×1 sofrido no estádio do Mineirão, durante a semifinal da Copa do Mundo realizada no Brasil, o cenário não seria tão trágico.

Serviço:
Lançamento do livro: Empresas alemãs no Brasil: o 7×1 na economia
Data: 14/09/2017
Local: Rua Conselheiro Ramalho, 945, Bela Vista, São Paulo-SP
Horário: 19h

Compartilhe:

Leia mais
discurso lula OIT
Em discurso na OIT, Lula destaca precarização e informalidade como desafios para justiça social
Antonio Neto CSB na OIT 12-06-24
Antonio Neto na OIT: Tecnologias disruptivas podem ser oportunidade para os trabalhadores
Centrais sindicais apresentam denúncia contra governo do Paraná à OIT
Centrais denunciam governo do Paraná na OIT por repressão de greve de professores
FGTS correção inflação decisão stf
Acordo entre centrais e AGU prevalece no STF: FGTS deverá ter correção mínima pela inflação
miguel torres discurso centrais sindicais oit
Centrais pedem fim do golpismo no Brasil em discurso dos trabalhadores na OIT
Luiz Marinho discursa na OIT 2024
Na OIT, Luiz Marinho defende sindicatos e taxação de grandes fortunas
vigilantes niterói ato 13 de junho
Vigilantes de Niterói convocam ato por mais segurança para mulheres da categoria
vinicolas-no-rs-tinham-200-pessoas-em-condicoes-analogas-a-escravidao
Auditores fiscais do Trabalho repudiam fala de dirigente da CNA sobre trabalho escravo
assembleia rodoviários pelotas 10-6-2024
Rodoviários de Pelotas começam a negociar acordos em cenário após enchentes
Comitiva da CSB com ministro Luiz Marinho na Conferência da OIT 2024
Em reunião do Brasil na OIT, empresário diz que Bolsa Família atrapalha mão de obra