Etapa do Rio de Janeiro do curso de negociação coletiva capacita os dirigentes da Saúde

Nesta edição, os representantes tiveram também aula de oratória para aperfeiçoar o poder de argumentação

O curso de “Estrutura e Processo de Negociação Coletiva”, promovido pela CSB e a Federação dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado do Rio de Janeiro, em parceria com o Dieese, levou aos dirigentes da categoria palestras sobre o comportamento e a argumentação da negociação, aspectos teóricos e práticos, além do planejamento de campanha.

Nesta edição, o diferencial ficou por conta do curso “Oratória e Apresentação Pessoal”, ministrado pelo professor do Centro de Estudos Propositum, Edson Luiz Alves, que apresentou técnicas de aprimoramento da comunicação.

DSC06358Para a presidente da Federação da Saúde ‑ e vice-presidente da CSB ‑, Maria Bárbara da Costa, o curso de negociação coletiva representa uma atualização profissional importante para os dirigentes. “O dinamismo é fundamental numa negociação, e este curso forneceu isso aos nossos dirigentes”, comentou.

Maria Barbara considera o curso de oratória uma estratégia para o trabalho dos representantes das categorias. “A comunicação eficaz dá ao dirigente maior domínio e poder de convencimento na hora de negociar com o patronato”, completou, afirmando que um profissional que domina a oratória tem um valioso recurso de persuasão, adquirindo credibilidade e boa influência junto aos demais, condições determinantes para quem defende os trabalhadores.

DSC06354Para Edson Alves, o domínio da arte da comunicação para os dirigentes sindicais é fundamental. “Um bom orador acaba exercendo um poder de convencimento importantíssimo, já que ele precisa ser bom negociador e representar bem sua categoria”, finalizou o professor.

A capacitação promovida pelo curso de negociação coletiva aos dirigentes sindicais da Saúde de todo o estado do Rio de Janeiro motivará os representantes na luta pelas principais revindicações da categoria: a redução da jornada de trabalho para 30h semanais e a criação do piso nacional dos trabalhadores.

Veja a galeria de fotos do curso de negociação coletiva para os dirigentes da Saúde do RJ

Compartilhe:

Leia mais
STF reverte reforma previdência para servidores
STF forma maioria para reverter pontos da Reforma da Previdência para servidores
Imagem CSB (28)
CSB NA 112ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL DO TRABALHO - OIT 2024
Sticmpel campanha salarial 2024-2025
Trabalhadores da Construção e Mobiliário de Pelotas iniciam campanha salarial 2024/2025
Apoio Financeiro a trabalhadores empresas calamidade RS
Governo abre cadastro para Apoio Financeiro a trabalhadores atingidos por calamidade no RS
home office trabalho híbrido estudo
Trabalho híbrido melhora satisfação no emprego e não afeta produtividade, diz estudo
reunião centrais rs e oit
Centrais e OIT discutem impacto das enchentes no mercado de trabalho do RS
plano erradicação trabalho escravo será atualizado
Plano para Erradicação do Trabalho Escravo será atualizado após 16 anos
podcast fetrarod
Fetrarod lança podcast para discutir temas de interesse dos rodoviários; assista aqui
Manifesto contra PL do estupro
Mulheres sindicalistas divulgam manifesto contra PL do Estupro (PL 1904/24)
Nota das centrais selic
Centrais pedem redução dos juros: "por desenvolvimento com justiça social"