Central dos Sindicatos Brasileiros

Seccional da CSB no Rio Grande do Sul tem como prioridade apoio à mobilização regional em 2018

Seccional da CSB no Rio Grande do Sul tem como prioridade apoio à mobilização regional em 2018

A intenção da presidente é viajar o estado ao encontro das entidades para fortalecimento do movimento sindical gaúcho

Para fortalecer a união do movimento sindical no Rio Grande do Sul, a seccional da CSB no estado visitou, nesta quarta-feira (21), entidades da região litorânea gaúcha. O objetivo dos encontros foi prestar orientações e auxiliar o Sindicato dos Servidores Públicos e Municipais de Glorinha (SSPMG/RS) e o Sindicato dos Municipários de Capão da Canoa e Xangri-lá (SIMCCX) nos processos de autorização da cobrança da contribuição sindical, como determinado na nova legislação trabalhista. Ambas as reuniões aconteceram nas sedes das próprias entidades.

Eliane Gerber, presidente da seccional e 1ª secretária da Mulher Trabalhadora da Central, participou das ações e ainda acompanhou a assembleia, que aprovou a cobrança do tributo pelo SIMCCX, junto aos assessores da diretoria André Costa e Dercilo Junior. De acordo com a dirigente, a presença da CSB em momentos primordiais dos sindicatos gaúchos é prioridade para intensificar ainda mais as forças do movimento no estado.

“A CSB é uma parceira e presente na vida desses sindicatos. O que queremos é interiorizar a gestão, capacitar os dirigentes e estar junto da base, valorizando, assim, a mobilização regional. E esse compromisso é tão sério que convidamos para cooperar e fazer parte da Secretaria de Municipários da CSB no Rio Grande do Sul o presidente do SSPMG/RS, Antônio Gilmar da Silva Quoos. Além de termos ajudado a presidente Fernanda Grassi Veloso, do SIMCCX, no esclarecimento sobre as mudanças da legislação trabalhista e a importância da contribuição sindical”, relata Gerber.

A dirigente ainda destaca a ação no Sindicato dos Servidores de Glorinha, a qual possibilitou a publicação do edital a respeito da contribuição sindical à entidade. Para a sindicalista, o respaldo da CSB na solução de problemas que podem afetar a defesa da classe trabalhadora é o maior diferencial do trabalho exercido pela Central.

“No exemplo do SSPMG/RS, nós estávamos ali, resolvemos o problema e, agora, o Sindicato já publicou o edital dentro do prazo hábil para obedecer às determinações da CLT. Veja como é importante visitar os sindicatos filiados e verificar qual é o problema que ele está enfrentando. Em Glorinha, o problema era pontual e urgente. [Por isso], os esforços da seccional da CSB gaúcha consistem em cuidar dos sindicatos, dar a atenção que eles precisam, fazer a escuta de suas necessidades e prestar a orientação necessária para a superação de obstáculos”, afirma Eliane Gerber.

Compartilhe!