Central dos Sindicatos Brasileiros

Em Minas Gerais, centrais aprovam calendário de atividades contra crime em Brumadinho (MG)

Em Minas Gerais, centrais aprovam calendário de atividades contra crime em Brumadinho (MG)

Atuação das entidades começa nesta quinta-feira (31) com ato em frente à Vale, em Belo Horizonte

O Fórum das centrais sindicais de Minas Gerais voltou a se reunir na última terça-feira (29), em Belo Horizonte (MG), e aprovou o calendário de atividades contra as consequências da tragédia em Brumadinho, quando houve o rompimento de barragem da Vale, evento que se transformou no maior acidente de trabalho do Brasil.

Protestos serão realizados para denunciar às autoridades e à sociedade os crimes cometidos pela mineradora, além da a omissão do Estado na fiscalização. Segundo nota do fórum, as entidades sindicais estarão sempre em alerta para defesa dos trabalhadores, já calejados pelas diversas tentativas de retirada de direito.

“A classe trabalhadora que já vive uma situação adversa com a reforma trabalhista do governo Temer e uma ofensiva ainda maior do governo ‘bolso mico’, com a tentativa maior de aprofundamento da retirada de direitos e reforma da Previdência. Sofre mais um golpe que demonstra e comprova tudo o que já denunciávamos sobre as privatizações e reforma trabalhista”, diz o texto.

 Confira a agenda de atos:

– 31/01, às 17 horas – ato em frente à Vale BH (sete dias do CRIME)

– 01/02, às 13 horas – posse dos deputados estaduais mineiros (ato para pressionar os parlamentares sobre as mineradoras).

– 05/02, às 17 horas – ato na praça sete/BH, contra o fim da justiça do trabalho e denuncia sobre o CRIME de Brumadinho.

– 25/02 – proposta de ato nacional em BH sobre os CRIMES cometidos pela Vale no estado e rompimentos de barragens que podem acontecer em qualquer momento.

Compartilhe!