Central dos Sindicatos Brasileiros

CSB participa da 4ª Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial

CSB participa da 4ª Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial

Entre o domingo (27) e quarta-feira (30), a Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) participa da 4ª Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial (CONAPIR), no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), em Brasília (DF). A Conferência, que é promovida pela Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Ministério dos Direitos Humanos (SEPPIR/MDH) e pelo Conselho Nacional de Promoção da Igualdade Racial (CNPIR), terá como tema central “O Brasil na década dos afrodescendentes: reconhecimento, justiça, desenvolvimento e igualdade de direitos”.

Representante da CSB é eleita delegada estadual e participará da Conferência Nacional da Igualdade Racial

A CSB enviou à 4ª CONAPIR, Priscila Nunes Rozon, que foi eleita delegada na Conferência realizada em janeiro deste ano em São Paulo. Priscila foi à Conferência como representante da Secretaria Nacional da Igualdade Racial da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB).

Orgulho 

“Cheguei aqui pelo trabalho e tenho orgulho de falar isso, sou administradora da Qualitrabalho/Unilivre, moradora do primeiro quilombo urbano do País, o Quilombo Brotas, em Itatiba” falou a delegada.

CSB participa da 4ª Conferência Estadual de Igualdade Racial

“Hoje tenho orgulho de falar que represento as mulheres, negras, quilombolas e a CSB Mulher na 4ª Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial”, destacou Priscila.

A 4ª CONAPIR tem como principais objetivos: promover o respeito, a proteção e a concretização dos direitos humanos da população afrodescendente; fortalecer ações relacionadas à igualdade de direitos e a participação em todos os aspectos da sociedade brasileira; promover maior conhecimento e respeito ao legado, cultura e contribuições dos povos e comunidades tradicionais; e fortalecer o cumprimento de tratados e convenções internacionais relacionados aos direitos dos afrodescendentes.

Durante a conferência, os delegados debaterão propostas em torno de quatro subtemas: do reconhecimento dos afrodescendentes; da garantia de justiça aos afrodescendentes; do desenvolvimento dos afrodescendentes; e discriminação múltipla ou agravada dos afrodescendentes.

Desde o ano passado foram realizadas 24 conferências estaduais e a Plenária Nacional Quilombola com a eleição de 825 delegados de todo o país que representarão a sociedade civil e os governos, com objetivo de fortalecimento do diálogo e à cooperação entre os parceiros, governamentais e não governamentais, que buscam promover as políticas públicas de igualdade racial.

O tema e os respectivos subtemas são norteados pelo Plano Plurianual 2016-2019 e pelo Plano Nacional de Promoção da Igualdade Racial (PLANAPIR), regulamentado pelo Decreto 6.872, com objetivo de consolidar a transversalidade das políticas para a população negra e de superação do racismo.

Fonte: CSB-SP

Compartilhe!