Central dos Sindicatos Brasileiros

Prefeitura de Fortaleza atende demanda dos taxistas e sanciona Lei que cria mais 3 mil autorizações

Prefeitura de Fortaleza atende demanda dos taxistas e sanciona Lei que cria mais 3 mil autorizações

Anúncio aconteceu na manhã desta quarta-feira (06), no Castelão, na capital cearense

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, anunciou na manhã desta quarta-feira (06), no estacionamento da Arena Castelão, na capital cearense, a sanção da Lei 205/2018, que concede aproximadamente três mil autorizações para novos taxistas na cidade. Além disso, o líder do Executivo também comunicou que a partir do mês de julho os veículos de táxi da região metropolitana poderão usar as faixas exclusivas.

A demanda, que foi uma reivindicação do Sindicato dos Taxistas do Ceará (Sinditaxi-CE) e da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), é uma vitória para a categoria, principalmente aos chamados rendeiros.

“Esta ação de hoje é muito importante. A gente vê isto com muito otimismo e achamos que o sistema de táxi de Fortaleza sairá fortalecido com a vinda dessas novas vagas. A população, a sociedade, vai ganhar com isso, pois terão mais opção. O taxista, que dirigiu por anos pagando renda, vai ter oportunidade de ter seu próprio táxi para garantir o sustento da sua família”, falou Moura, que garantiu que o sindicato e a Central irão cobrar dos órgãos a fiscalização dos transportes individuais.

“Essa é uma tecla que batemos sempre. Queremos que a prefeitura tenha uma fiscalização eficaz para garantir que o profissional taxista trabalhe com dignidade e seriedade e garantindo que os trabalhadores por aplicativos ofereçam um serviço com segurança e qualidade à população”, completou Moura.

Para o presidente do Sinditaxi-CE, Vicente de Paula Oliveira, essa medida, além de possibilitar que os trabalhadores que arrendam vagas tenham seus táxis, trará um melhor atendimento à população.

“Haverá mais táxis para atender a população, vamos colocá-los em pontos sinalizados. Quem ganha são os auxiliares, que sairão do arrendamento de vagas e terão seu próprio carro para trabalhar”, falou Oliveira.

Critérios

Segundo Moura, os interessados em adquirir as novas autorizações devem atender aos seguintes critérios:

– Carteira padrão vigente da Empresa de Transporte Urbano (Etufor)

– Carteira de habilitação que autoriza exercer função remunerada

– Certidões criminais

Compartilhe!