Central dos Sindicatos Brasileiros

CSB participa da construção de norma de segurança na manipulação de inflamáveis

CSB participa da construção de norma de segurança na manipulação de inflamáveis

Comissão Nacional Temática Tripartite discute pontos de atenção na NR-20 e faz adequações na regulamentação

O vice-presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados do Brasil, Bartolomeu França, representou a CSB em reunião da Comissão Nacional Temática Tripartite da NR-20. O grupo tem o objetivo de discutir e construir a norma, que dispõe sobre a segurança na manipulação de inflamáveis.  O encontro foi realizado nos últimos dias 23 e 24, na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília.

Segundo o próprio texto da norma, a NR 20 “estabelece requisitos mínimos para a gestão da segurança e saúde no trabalho contra os fatores de risco de acidentes provenientes das atividades de extração, produção, armazenamento, transferência, manuseio e manipulação de inflamáveis e líquidos combustíveis”.

Como explicou Bartolomeu França, integrante da bancada dos trabalhadores, a Comissão está executando adaptações na norma. “Estamos acabando de construir a NR 20. Ela existe dessa forma governamental, e nós estamos adaptando às necessidades de cada setor”, pontuou. “Estamos fazendo anexos à norma, adequando frases”.

Segundo o diretor, os frentistas que trabalham prestando serviços para os estados estão fora do escopo da regulamentação. Na avaliação da bancada trabalhista, o grupo deveria ser incorporado. “Em um posto de combustível, quando se abastece, exala o benzeno (substância cancerígena)”, informou. Ele chama a atenção para a importância de medidas preventivas.

Entre os assuntos tratados pela Comissão estão um plano de prevenção de vazamentos e explosões em esferas pressurizadas de armazenamento de gases inflamáveis; apresentação anual do Plano de emissões fugitivas para os trabalhadores e para CIPA; tempo e conteúdo prático dos cursos de atualização previsto na norma; redução das emissões de hidrocarbonetos durante descarga de combustíveis em caminhões nos postos de gasolina; segurança na operação dos tanques com inflamáveis no interior de edifícios; apresentação de resultados de simulados às Comissões Internas de Prevenção de Acidentes (CIPAs); entre outros pontos.

Compartilhe!